Casos e acasos vividos na minha viagem à Vitoria, ES. Por Caline Silva


Praia Meaípe - Guarapari, ES

Uma frase que estou levando muito a sério: “Dinheiro a gente recupera, o tempo não”. Sou uma jovem de 19 anos que ama viver intensamente!

Tudo começou no ano passado 2016, minhas férias estavam chegando e eu ainda não tinha o que fazer, pensei em ir para Paraíba, um lugar lindo, cheio de praias maravilhosas em João Pessoa, e o melhor ainda é que já tinha onde ficar, ou seja sem gastar com hospedagem, mas eu já tinha ido no ano anterior com minha família, queria algo diferente. Comecei a pesquisar, muito lugares me chamaram atenção, Gramado, lindo demais, paisagens incríveis, muito chocolate, só tinha um problema: o FRIO, eu não estava afim de frio, queria calor! Eis que eu vejo uma imagem da praia curva da Jurema em Vitória/ES, comecei a pesquisar e gostei da cidade.

Me programei para ir, olhei as passagens, não estavam muito caras, pesquisei hostels, encontrei um bem legal, barato e com boas recomendações e já reservei. Ok, tudo certo duas semanas antes de viajar.

Os dias iam se passando e eu ficando ansiosa, afinal seria minha primeira viagem sozinha, sempre fui independente, sempre fiz o que queria, se não tivesse companhia, ia sozinha, inúmeras vezes fui aos parques em São Paulo sozinha, cinema, teatro, ou mesmo sair andando pelo Centrão sozinha, nunca liguei, aquele ditado sempre fez sentido “antes só do que mal acompanhada”.

Uma semana antes eu comecei a ver o roteiro do que eu ia fazer lá, quando fechei o hostel estava na descrição que o local disponibilizava bicicletas e pranchas de stand-up, o que eu pensei? “Vou olhar no Facebook, deve ter algumas imagens de pessoas fazendo o stand-up e dicas de locais”, quando entrei no Facebook do local, tive uma grande surpresa, sabe aquelas boas recomendações que mencionei no começo? Não foi bem o que encontrei, lá havia muitas pessoas falando mal do local, que o dono era um bêbado, que expulsava os clientes quando bebia, uma mulher disse que o mesmo insinuou que queria ela no quarto dele, ela acabou indo para um hotel que tinha próximo, houve até caso de a polícia ter que interferir. E ago