NÃO HÁ "FELIZ DIA DAS MÃES"!


Cena da Grande Mãe, Espetáculo MÃE, ator Roni Diniz, 02/2019
Cena da Grande Mãe, Espetáculo MÃE, ator Roni Diniz, 02/2019

Ainda não há "Feliz dia das Mães" genuíno enquanto você, mulher ou homem, não se dedica a conhecer verdadeiramente o "Feminino", respeitá-lo e amá-lo, tocá-lo e trocar-se como Sagrado que é!


Não há "Feliz dia das mães!" enquanto o portal da vida, a Grande Mãe, a vagina for tratada como latrina de lixo das frustrações humanas por mulheres e homens que não se responsabilizam pelo próprio lixo gerado e por seus sentimentos densos...


Não há genuíno "Feliz dia das Mães!" enquanto seguimos agindo como filhos mimados e inconsequentes, enquanto não nos tornamos "Mães" de si mesmas e de si mesmos!


Enquanto não dosamos EM NÓS, homens e mulheres, este masculino que se relaciona eternamente com a Mãe dentro de nós e fora, cujo mundo externo escancara como um espelho do que temos dentro...


Não há, enquanto tanto abuso é negado como se fosse "mimimi"

E este "mimimi" lateja, adoece em teu corpo e tu insiste em se anestesiar de si, da Mãe, do Amor...


Antes de professar amor à Mãe, precisamos conhecer o Amor em nós e o Amor é MÃE.


Damos um passo em sua direção e ele(a) dá dez na nossa.


O amor é tão vulnerável quanto potente, a ponto de gestar e parir, um filho, uma nova era.


O amor dá medo e devoção de tão misterioso e divino!


O Amor é a Mãe em Nós. Coragem! Conheça-te!


Feliz dia das Mães!


Foto1: Espetáculo Mãe, 2019

Foto2: Tributo a minha falecida Mãe Ivanize Soares Diniz.

Foto3: Ela aos 14 anos (presente do mural do vovô), toda mãe também é apenas mulher.

Foto4: Ela na lembrancinha impressa do seu velório.

Foto5: Consegue imaginar gestar e parir 9 filhos? Fui o 9º.

Fotos 6 e 7: Cenas do espetáculo Mãe, 2017.


15 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo